Os empreendedores querem expandir seus negócios e conquistar novos clientes.

Mas para que isso aconteça, sua marca precisa ser conhecida e influenciar novos usuários que podem se tornar consumidores futuramente.

Dentre as diversas formas de divulgar sua marca, uma forma de aumentar sua visibilidade é por meio do tráfego pago.

Basicamente, podemos aumentar o tráfego de 3 formas: marketing de conteúdo, por referência ou por links pagos. Neste artigo, vamos discutir a terceira opção.

Se você quer aprender como fazer sua empresa se destacar investindo certo, esse post é para você!

O que é tráfego pago?

Antes de explicarmos o que é tráfego pago, vamos explicar o conceito de tráfego no marketing digital.

Tráfego é o fluxo de usuários que usam seus canais sociais e de comunicação.

Por exemplo, digamos que você tenha uma média de 1000 pessoas visitando seu site todos os dias. Aqui está o tráfego diário atual do seu site!

Mas como o objetivo de qualquer negócio digital é ganhar mais visibilidade online, você provavelmente precisará implementar estratégias para ajudar a aumentar esse tráfego.

Então, quando falamos de tráfego pago, estamos falando de uma estratégia que envolve investir dinheiro para aumentar o tráfego.

Tráfego pago é uma forma mais rápida para crescer online.

Mas é importante lembrar que simplesmente pagar por postagens ou links patrocinados não é mágica; os usuários querem encontrar soluções importantes gratuitas em sua página ou perfil.

Só assim eles permanecerão em sua página o tempo suficiente para que os algoritmos mantenham seu conteúdo relevante e exibam seus anúncios pagos.

Em resumo, tráfego pago significa investir dinheiro em plataformas, redes sociais e sites de publicidade para atrair usuários para determinado site, perfil ou oferta.

Você pode anunciar sua empresa em diferentes localidades e assim atingir diferentes públicos-alvo.

Qual a diferença entre tráfego pago e orgânico?

Como discutimos anteriormente, o tráfego pago é uma maneira mais rápida de investir no crescimento do seu negócio online. Mas também é possível usar estratégias de tráfego “gratuito” chamado de tráfego orgânico.

Claro que você tem que investir tempo e paciência nesse tipo de estratégia, mas financeiramente você vai gastar bem menos e a diferença é que os resultados virão a médio e longo prazo. Já as campanhas de tráfego pago trazem resultados quase imediatos. Por isso, muitos empreendedores utilizam para promover seus negócios.

Mas uma estratégia não exclui a outra. Na verdade, sua melhor aposta é usar ambos para obter os melhores resultados de tráfego e vendas.

O tráfego orgânico deve ser contínuo e incremental. Você precisa investir em determinados campos, como a criação de conteúdo gratuito, e-mail marketing, lista de transmissão, entre outros.

O tráfego pago pode ser regular ou aleatório. Depende de quanto dinheiro você está disposto a investir e que tipo de retorno você está procurando. Para a maioria dos empreendedores, esse é um investimento muito lucrativo.

Por que você deve investir em tráfego pago?

Muitas pessoas acreditam que não precisam investir em tráfego pago porque o tráfego orgânico já é suficiente.

Essa ideia pode ser considerada equivocada, pois um dos pontos de partida do marketing digital é o desenvolvimento de atividades abrangentes que juntas aumentem o resultado final almejado na prática.

Claro, é possível usar apenas estratégias orgânicas para promover o seu negócio. Mas investir em apenas uma área pode significar comprometer o sucesso da operação, além de ser uma forma de não explorar outras opções.

Aqui estão algumas dicas sobre quando é uma boa ideia usar tráfego pago:

Para promover ações específicas

Muitos empresários reclamam que manter fundos exclusivos para tráfego pago não é lucrativo. Se um valor fixo não puder ser usado, este modo pode ser usado para determinadas operações.

Por exemplo:
Toda vez que você lançar um novo produto, um lançamento exclusivo no site, uma campanha com um horário de início e término pré-determinado, você pode usar a estratégia de tráfego pago. Como no caso das promoções e ofertas oferecidas no Dia do Cliente.

Para acelerar a visibilidade da marca

O tráfego orgânico funciona e ajuda a manter sua marca no topo dos resultados de busca, mas o grande problema é que pode demorar meses para se concretizar.

Então, ao investir em publicidade paga, você aumenta a visibilidade da sua empresa e o reconhecimento da marca mais rapidamente.

Assim, após essas ações, é possível trabalhar com o público inicialmente influenciado por essas campanhas e convertê-lo em comprador.

Para aumentar a taxa de conversão

O uso de publicações patrocinadas pode influenciar efetivamente os possíveis clientes no último estágio do funil de vendas.

Quando um usuário faz determinadas pesquisas na Internet, significa que conhece seu problema, considerou opções e está em busca de uma solução.

Ao escolher os termos e palavras-chave corretos, você pode melhorar os resultados, fornecendo conteúdo e soluções para o usuário durante sua pesquisa convencendo-o a comprar.

Como funciona a estratégia do tráfego pago?

Como qualquer outra estratégia de marketing digital, o tráfego pago exige muito planejamento, rastreamento, testes e análises.

Para planejar adequadamente esse tipo de estratégia, você deve primeiro decidir sobre seu objetivo. Algumas das opções incluem:

  • promover sua marca e aumentar a exposição;
  • obter mais seguidores;
  • trazer mais visitantes ao seu site;
  • captar novos inscritos;
  • oferecer ofertas de vendas.

Um bom planejamento exige, além do objetivo, que você conheça bem seu público e sua personalidade. Isso ocorre porque quanto mais segmentadas forem suas campanhas de tráfego pago, melhores resultados você obterá. Ou seja, pesquise e estude sobre o seu público-alvo para entender como eles pensam e o que eles gostam.

A seguir, você deve determinar o formato da oferta: texto, imagem ou vídeo. E também qual será o seu apelo.

Esta escolha também é feita com base na escolha dos canais ou plataformas em que pretende anunciar. Falaremos sobre isso em outro post.

E, finalmente, você deve escolher o orçamento de publicidade e o link da página que quer disponibilizar para que o usuário acesse na campanha..

Assim fica um resumo dos principais pontos ao se pensar na estratégia do seu tráfego pago, determine:

  • o objetivo da campanha;
  • o público, interesse, localização, idade e gênero;
  • a plataforma e o formato das publicações;
  • o orçamento e o link de acesso.

Sobre o investimento: vamos à realidade!

O fato de sua marca investir em tráfego pago não significa que seu site terá mais acessos logo que começar a fazer os anúncios e nem significa que todos os usuários alcançados serão seus clientes. Mas, essa é mais uma estratégia que pode ser usada para aumentar as vendas do seu negócio.

Porém, lembre-se sempre que antes de investir é preciso planejar, criar conteúdo, ter um site responsivo e considerar a experiência do usuário para otimizar a distribuição desse material. Afinal, não adianta comprar tráfego se seus usuários não têm para onde ir.

Além disso, você deve acessar as campanhas disponíveis, gerar relatórios e realizar análises que identifiquem se os investimentos realmente valem a pena. Porque é assim que você entende o que deu certo e o que pode ser melhorado.

O tráfego pago é uma ótima ferramenta para atrair mais visitantes para sua página, mas é preciso ter uma estratégia para investir da maneira certa.
Gostou da publicação? Então compartilhe nas redes sociais!

 

Artigos Relacionados

Receba os conteúdos em seu e-mail!

Preencha os campos abaixo e receba novidades em primeira mão!

Erro: Formulário de contato não encontrado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *